útil

Preservando ótimos vinhos em uma adega de pedra natural

Preservando ótimos vinhos em uma adega de pedra natural



We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Nicolas Porquez é o fundador da "Cave et prestige", uma empresa especializada na instalação de adegas de pedra natural. Um imperativo para a conservação do vinho. Entrevista por Nadège Monschau

Quais são as vantagens de uma adega de pedra natural?

A pedra é o melhor material para armazenar garrafas. Em comparação, é provável que o ferro enferruja e vibre, enquanto a madeira, a menos que seja tratada especificamente, corre o risco de mofo e apodrecer com a umidade. Para preservar todos os seus aromas, um vinho precisa de estabilidade. Qualquer variação, por exemplo na temperatura, é seu pior inimigo. Muito pesados ​​(20 quilos) e muito densos, os blocos rochosos permitem evitar qualquer oscilação da estrutura e garantir a regulação térmica, gerando uma espécie de "microclima" dentro dos armários. Além disso, este sistema tem uma qualidade estética inegável: ele se encaixa harmoniosamente em qualquer adega enterrada, especialmente em espaços abobadados (mas muito menos em garagens!). Também podemos reforçar esse lado decorativo usando camas de areia fina para cunhar suas garrafas e pequenos rótulos de ardósia para localizar nas prateleiras.

Por que preferir pedra natural a pedra reconstituída?

A pedra reconstituída, à base de cimento ou outros agregados, ligas e corantes, é certamente mais barata, mas menos eficiente e menos ecológica. E como os armários são produzidos em massa, pode ser mais difícil criar uma adega que otimize o espaço disponível. O ideal: adaptar os blocos para fazer malabarismos entre prateleiras de 12, 18 ou 24 garrafas e ajustar a altura (até 2,20 metros) e a largura das prateleiras, conforme desejado. A pose é complexa?

Nem um pouco. Apenas empilhe bandejas e colunas como legos.

Esse tipo de adega é muito mais caro de instalar do que o ferro ou a madeira convencional? Claro. Uma adega de pedra natural é um produto de alta qualidade. São necessários em média entre 400 e 500 euros para uma estrutura de cem garrafas (4 a 5 euros por garrafa). Mas os especialistas observam que uma geladeira de vinho ou prateleiras de carvalho maciço são ainda mais caras: entre 7 e 8 euros por garrafa. Mais informações em: www.cavekheops.com